sexta-feira, 20 de novembro de 2009

DECLARAÇÕES DIVIDEM PMDB/RN

Declarações de Garibaldi pai causa impacto dentro do PMDB

Após as declarações de Garibaldi Alves Pai contra a figura de Henrique Eduardo Alves pelas suas costuras políticas em prol da situação governista, semana passada, o PMDB ficou momentaneamente mais divido do que já era. "Henrique possui vocação governista por isso sempre erra" e "se Aluízio fosse vivo jamais faria qualquer tipo de acordo político com a governadora Vilma de Faraia (PSB)", essas foram, em linhas gerais, as declarações de Garibaldi pai. O deputado estadual Walter Alves (PMDB) jogou um balde de água fria no assunto dizendo que no final tudo dá certo e a união impera dentro da legenda. Já o deputado Nelter Queiroz saiu em defesa do deputado Henrique Eduardo. Garibaldi Filho ficou pensativo analisando a situação. Vale destacar que Henrique faz parte do PMDB que dá sustentação ao governo federal e por tabela terá que apoiar o candidato do PSB, em razão da aliança política entre a governadora e o presidente, e Garibaldi pai é o suplente da senadora Rosalba Ciarline (DEM) que se eleita governadora cederá a sua vaga, por quatro anos, para o mesmo.